terça-feira, 9 de novembro de 2010

DOM QUIXOTE.




Tinha uma lua no céu e estrelas também. Estava escuro, eles sentaram na areia e ficaram ouvindo o mar em silêncio. Então, ele tomou a frente dela de joelhos e de supetão, sem nenhum ensaio:

- Você quer se casar comigo?

E a resposta era tão óbvia desde quando ela havia colocado os olhos nele a primeira vez:

- Sim e que seja para sempre.

Desde então, eles desfilam sua força nos reinos distantes , a enfrentar moinhos, opa, dragões!




(video: ALTA NOITE. Marisa Monte e Arnaldo Antunes.)

4 comentários:

Eliana Mara de Freitas disse...

Renata, você está sempre por lá e eu deveria vir mais vezes. Mas vim hoje e sempre encontro motivos líricos para voltar.
Gostei da fábulas.

Bj

JOSÉ ROBERTO BALESTRA disse...

De fato, você consegue um belo efeito de ação com a singeleza das palavras. Gosto muito de seus escritos, Renata.

Parabéns mais uma vez!
abs

marcela (arlequinal) p. disse...

Seu texto deveria chamar-se "Dois Quixotes"... encontro raro e belo o de sonhadores que sonham juntos...

Luis Bento disse...

Gosto das palvavras doces, da ternura e do final a sorrir...Ai, ai..quem suspira agora sou eu...